Madeira de pinus é protagonista de residencial diferenciado em Florianópolis, feito especialmente para surfistas

Localizado em frente ao famoso Pico da Cruz, em Florianópolis (SC): O Kanaloa BeachStyle Residence conta com apartamentos voltados à cultura surf; com espaços exclusivos para treinamento físico e relaxamento do surfista.

Como é possível ver pelas fotos, a madeira de pinus tratada é o protagonista do empreendimento; uma vez que a cultura surf é totalmente associada à natureza e sustentabilidade.

A atenção ao uso de madeira nos detalhes começa pelo Surf Room; espaço especialmente pensado para os praticantes dos esportes aquáticos que precisam guardar e arrumar equipamento e trocar-se para sua atividade.

Os assentos são todos feitos de pinus tratado, assim como os pranchários, ressaltando a matéria prima na arquitetura interna. Externamente, o assunto não é diferente: o deck em volta da piscina e uma jacuzzi na cobertura têm sua estrutura feita de madeira.

Inovação em um espaço pensado para o surf

“Até hoje, nenhum empreendimento em Florianópolis possui essa inspiração e estilo conferido à construção, com a utilização da madeira”
Conta Mariáh Costa, gerente comercial da Eco Pine.

Apesar de não precisar a quantidade de madeira utilizada no projeto; o custo da obra foi pouco mais de R$ 5 mil investidos, já com a mão de obra incluída.

“Lembro que a madeira tratada é reflorestada, e agrega alto valor para o consumidor. Trata-se de um elemento único para a construção de decks e pergolados, onde as outras opções como ferro e plástico não trazem uma proposta tão aconchegante e sustentável.”

O sucesso do empreendimento já pode ser percebido nas vendas das unidades; 90% do edifício já foi comercializado, e a previsão é que ainda no primeiro semestre o restante seja vendido.

Atrativo e paradisíaco, o local onde fica o Kanaloa oferece boas praias (com ondas desafiadoras para os surfistas, foco do edifício), restaurantes, cafés, bares, lojas, centros de beleza e estética e próximo aos principais points de Florianópolis, com fácil acesso ao Aeroporto Internacional Hercílio Luz.

Para receber mais matérias assine a revista Produtos de Madeira aqui.

Post anterior

Verde é a cor do saber

Próximo post

Comunidade Integrada

diego

diego

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *